top of page
  • Foto do escritorDallton Santos

A importância do guitarrista estudar diferentes estilos musicais


guitarrista dallton santos, frases para musicos, motivação guitarra, aulas de guitarra fusion rock


Quando escolhemos tocar guitarra, é normal focar em um estilo só, mas será que estudar outros estilos atrapalha ou ajuda?


Na minha jornada, eu nunca fui o tipo de guitarrista que se limitava apenas a tocar um gênero. Apesar de sempre gostar de rock desde o início, teve uma hora que comecei a perceber que outros estilos poderiam me mostrar diferentes possibilidades musicais para explorar e trazer para o rock.




Amplie seu vocabulário musical


Uma das vantagens que eu vejo é que misturar elementos de diferentes estilos no seu estilo favorito pode te fazer soar único. E por outro lado, pode ser que o seu vocabulário musical fique mais limitado se você só tocar um tipo de estilo.


Estudar diferentes estilos é como aprender novas palavras em um idioma. Cada estilo tem a sua própria linguagem musical, como acordes, escalas, ritmos e técnicas específicas. Ao explorar uma variedade de gêneros, você adiciona novas ferramentas ao seu vocabulário musical, permitindo que você se expresse de maneiras diferentes e únicas.


Eu sempre fui apaixonado por música. Desde criança, a música me ajudou a expressar minhas emoções e me conectar com outras pessoas. Quando comecei a estudar diferentes estilos musicais, minha paixão pela música só cresceu. Na medida que eu ia conhecendo novos mundos, eu sentia estava me tornando um músico mais criativo. Ao explorar uma variedade de gêneros, aprendi sobre diferentes culturas e perspectivas, e isso me ajudou a ver o mundo de uma nova maneira.


Se você é apaixonado por música, encorajo você a ampliar seu vocabulário musical. É uma experiência que vale a pena.


Desenvolvimento da técnica


Quer melhorar sua técnica?


Então desafie-se com coisas novas fora do estilo que você já toca bem. Quando eu comecei a estudar diferentes estilos, minha técnica melhorou muito.


Porque a técnica melhora?


Bom, cada estilo musical tem seus desafios técnicos específicos. No rock, por exemplo, é importante ter uma palhetada forte e precisa. No jazz, é preciso dominar escalas, acordes e arpejos complexos. E no blues, é fundamental saber fazer bends, vibratos e slides.

Alguns desafios serão bem desconfortáveis e quando você se deparar com essas dificuldades, você será forçado a melhorar.


Mas e aí, quais estilos estudar?


Não acho que tenha uma resposta certa para essa pergunta. O melhor é escolher estilos que você gosta e que são desafiadores para você.


Aqui estão algumas sugestões:


  • Para melhorar a precisão rítmica e o groove: funk, soul, disco

  • Para aprender palhetada híbrida: country, bluegrass

  • Para desenvolver dinâmica e expressividade: blues, jazz

  • Para velocidade e precisão nos solos: heavy metal, shred

  • Para compreender harmonia e improvisação: jazz, fusion, bossa nova

  • Para desenvolvimento técnico avançado: rock progressivo, prog metal, instrumental

  • Para fortalecer a técnica de palhetada: rock, metal

  • Para desenvolver habilidades para arranjos e timbres: pop

  • Para desenvolver técnica de fingerstyle: música erudita


Melhorando a criatividade e expressão musical


Agora falando um pouco sobre criatividade. Na minha opinião um dos melhores jeitos de desenvolver  a criatividade e expressão musical é explorar diferentes estilos musicais. Ao se expor a novas sonoridades, harmonias e estruturas musicais, você abre sua mente para novas possibilidades.


Por exemplo, se você é um guitarrista que toca rock, experimente ouvir um pouco de jazz. Você pode se surpreender com as semelhanças e diferenças entre os dois estilos. Você vai aprender novas técnicas, novas possibilidades harmônicas e várias ideias que podem ser aplicadas ao seu próprio som. Me lembro da revolução que aconteceu na minha mente quando fui estudar jazz pela primeira vez com o professor Djalma Lima. Foi um divisor de águas para o meu aprendizado.


Ao combinar elementos de diferentes estilos, você pode criar um som único e personalizado, expressando sua própria identidade musical. Quando comecei a explorar isso, minha criatividade explodiu. Eu aprendi a escrever músicas em diferentes formatos e também comecei a improvisar com mais liberdade.


Versatilidade é tudo


Para finalizar, eu acho também que conhecer vários estilos nunca é demais se você pretende viver da música. Isso se chama versatilidade. No mundo da música, a versatilidade é um diferencial importante. Um músico versátil é capaz de tocar em diferentes estilos e situações musicais. Isso pode abrir portas para oportunidades profissionais, como tocar em diferentes bandas, participar de projetos musicais diversos e até mesmo trabalhar como músico de estúdio.

 

Então é por essas e outras, que eu acho que a verdadeira riqueza musical está em explorar vários tipos de música. Se você é um guitarrista, vá em frente e explore novas experiências. Abra-se para novos estilos musicais e permita que eles o inspirem a se tornar um guitarrista ainda mais completo e criativo. Pense nisso...

 

Forte abraço

Dallton



43 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page